Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

31
Mar20

Quarentena - dia 17

por maga rosa

Quarentena - dia 17.jpg

 

Neste 2º dia da 3ª semana de afastamento social, ocupei o meu tempo sobretudo a sonhar. Sim, a sonhar com as formas do novo desenho que vou pintar brevemente e que será a continuação de uma história já existente aqui nos nossos aposentos…

 

 

Pedra Filosofal

Eles não sabem que o sonho

é uma constante da vida

tão concreta e definida

como outra coisa qualquer,

como esta pedra cinzenta

em que me sento e descanso,

como este ribeiro manso

em serenos sobressaltos,

como estes pinheiros altos

que em verde e oiro se agitam,

como estas aves que gritam

em bebedeiras de azul.

 

Eles não sabem que o sonho

é vinho, é espuma, é fermento,

bichinho álacre e sedento,

de focinho pontiagudo,

que fossa através de tudo

num perpétuo movimento.

 

Eles não sabem que o sonho

é tela, é cor, é pincel,

base, fuste, capitel,

arco em ogiva, vitral,

pináculo de catedral,

contraponto, sinfonia,

máscara grega, magia,

que é retorta de alquimista,

mapa do mundo distante,

rosa-dos-ventos, Infante,

caravela quinhentista,

que é cabo da Boa Esperança,

ouro, canela, marfim,

florete de espadachim,

bastidor, passo de dança,

Colombina e Arlequim,

passarola voadora,

pára-raios, locomotiva,

barco de proa festiva,

alto-forno, geradora,

cisão do átomo, radar,

ultra-som, televisão,

desembarque em foguetão

na superfície lunar.

 

Eles não sabem, nem sonham,

que o sonho comanda a vida,

que sempre que um homem sonho

o mundo pula e avança

como bola colorida

entre as mãos de uma criança.

(António Gedeão)

 

🍀

26
Mar20

Quarentena - dia 13

por maga rosa

Quarentena - dia 13.jpg

 

Se fosse escrever sobre o dia de hoje teria de falar no pesadelo que me acordou a meio da noite com uma taquicardia, da dor de cabeça que persistiu pelo dia todo, das burocracias e das muitas pesquisas e leituras para tentar entender as leis, que neste momento estão muito confusas… Do outro lado da linha telefónica só se ouvem vozes baixas, arrastadas, que deixam adivinhar um encolher de ombros perante a incapacidade de dar uma resposta assertiva tal é o caos…

 

Mas, prefiro deixar-vos com um poema de esperança escrito pelo grande Mário Quintana, poeta brasileiro.

 

Esperança

Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano

Vive uma louca chamada Esperança

E ela pensa que quando todas as sirenas

Todas as buzinas

Todos os reco-recos tocarem

Atira-se

E

— ó delicioso vôo!

Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,

Outra vez criança…

E em torno dela indagará o povo:

— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?

E ela lhes dirá

(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)

Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:

— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA…

 

 

“Viver é acalentar sonhos e esperanças,

Fazendo da fé a nossa inspiração maior.

É buscar nas pequenas coisas,

Um grande motivo para ser feliz!”

Mario Quintana -

 

🍀

 

 

                     (Foto do meu arquivo pessoal, tirada durante uma viagem a Inglaterra.)

 

30
Jul17

"O sonho comanda a vida"

por maga rosa




















“Eles não sabem que o sonho
é uma constante da vida
tão concreta e definida
  como outra coisa qualquer…”
 
 
Já pensaram como seria se não tivéssemos a capacidade de sonhar? Costumo dizer que, quem deixou de sonhar é como se tivesse deixado de viver. É o sonho que nos faz querer fazer mais, ser mais… É a alavanca que nos serve de impulso para nos pormos ao caminho (o que fazemos quando chegamos ao destino, isso já é outra coisa). Ou se andamos numa espiral de sentidos sem sair do mesmo lugar. Eu por vezes sou assim, sonho, sonho…deixo-me andar por ali a pairar e não arrisco a dar forma a este turbilhão criativo que me preenche até à alma. 
 
“Eles não sabem que o sonho
é tela, é cor, é pincel…”
 
 
 
É por isso, que quem sonha vive num mundo multicor, numa tela inacabada e em constante transformação e os pincéis têm o poder mágico de pintar sem limite de formas e detalhes. 
 
“Eles não sabem, nem sonham,
que o sonho comanda a vida,
que sempre que um homem sonha
o mundo pula e avança
como bola colorida
 
entre as mãos de uma criança.”
 
E eu, saltando por cima da minha modéstia e esperando não estar a dar um salto maior que as pernas, atrevi-me a sonhar mais alto e a querer levar mais longe esta bola (blog), que tanto prazer me tem dado carregar. Sei que somos pequeninos(eu e a minha criação), mas também tenho o direito de sonhar, ou não tenho? ;)
Passo a vida a dizer que nada acontece por acaso e que devemos estar atentos aos sinais…E foi o que decidi fazer quando (mais uma vez e por acaso), ouvi falar em Blogsdo Ano na rádio...
 
 
Obrigada, ao António Gedeão, por nos ter dado a pedra filosofal!

Quem é a maga rosa?

É uma alma antiga, bruxinha ou alquimista, que sabe que é o sonho que comanda a vida e que o essencial só é visível ao coração, pelo que coloca paixão em tudo o que faz, mesmo que aos olhos dos outros não passe de uma lunática. Quando desce à terra, deita cartas e lê nos astros, enquanto vai espalhando pinceladas de cor e boas energias!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • maga rosa

    Força!Se precisares de alguma dica, cá estou para ...

  • Isa Nascimento

    Amor incondicional...

  • Sofia

    Olá,Nós aqui em casa também fizemos as nossas Um ...

  • Sofia

    Olá,Que inspiração, gostava muitoo de fazer a minh...

  • maga rosa

    É uma Rainha de metro e meio de altura (mais coisa...