Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

05
Mai21

Hoje é o meu dia

por maga rosa

Hoje é o meu dia.jpg

 

Hoje o Sol completa mais uma volta aos signos do zodíaco. Ao meu zodíaco. Àquele que estava quando eu respirei pela primeira vez. Por um desfasamento do tempo contado pelo homem, foi ontem que o Sol passou no ponto exacto. É sempre assim para todos. Pode ser antes ou pode ser depois. Para mim foi ontem que astrologicamente o sol completou mais uma volta, mas é hoje o meu dia. Diz a minha mãe que estava um estranho dia de calor e trovoadas. O ribombar dos trovões quero crer que foi o São Pedro a anunciar a minha vinda a este mundo.

 

Sempre gostei do 5 de Maio. Talvez seja por ser o meu dia. Ou talvez não. Talvez seja da energia do dia. E Maio é Primavera. É tempo de flores e de campos verdes. É tempo de luz. O número 5 representa o movimento e a aventura. Ele é cheio de rectas e curvas mesmo a insinuar que temos que ser flexíveis, se queremos acompanhar o seu ritmo (e da vida). Ele é a liberdade e logo eu que tenho alma nómada!

 

Cinco são os sentidos e os elementos na astrologia oriental. Cinco são os dedos de cada mão e as pontas de uma estrela. E é uma estrela de cinco pontas que representa o corpo humano, o pentagrama. Todos os números são especiais, mas o 5 é mágico e já foi até muito usado como amuleto de protecção.

 

Eu só podia ter nascido a 5 de Maio!

22
Mar20

Quarentena - dia 9

por maga rosa

Quarentena - dia 9.jpg

 

Os dias sucedem-se e por vezes o calendário já se confunde nas nossas cabeças.

“Mas afinal que dia é hoje?” – ouço por aqui.

Só sei que já é o 9º dia de isolamento, número com forte energia espiritual. São os nove dias de orações das novenas e dos rituais para encaminhar as almas perdidas no caminho da luz. Nove pode ser o fim de um caminho mas também marca o ponto zero.

Nove é o último dígito simples. Já dizia Pitágoras que tudo no universo se mede em ciclos de 1 a 9. E o nove é o ponto mais alto e quem atinge esse nível está pronto para indicar o caminho aos outros…

 

Do nosso dia aqui por casa, hoje prefiro destacar as minhas ocupações culinárias, algo muito simples mas que serve perfeitamente para aproveitar várias sobras de legumes e com elas fazer uma salada de feijão. Eu prefiro cozer as leguminosas em casa e enlatados só para um momento de desenrasque ou então as famosas latinhas de atum, o que também fez parte desta refeição.

Costumo deixar o feijão (neste caso foi feijão frade), ou grão, de molho de véspera e na manhã seguinte deito fora essa água e junto uma nova onde irá cozer durante o tempo necessário. Juntei sal à cozedura, mas não em demasia para poder aproveitar esse líquido para fazer uma sopa.

A minha salada de feijão frade levou:

Feijão cozido.

Atum.

Cenoura e batata cozidas.

Um pedaço de couve-flor e um pequeno brócolo cozidos.

Pimento vermelho.

Salsa picada.

Azeitonas.

Pickles.

Azeite e umas gotas de vinagre de sidra.

 

quarentena - dia 9a.jpg

 

quarentena - dia 9b.jpg

🍀

 

22
Jan20

2020

por maga rosa

2020.jpg

 

Faz hoje um mês que não publico nada, quase um mês do novo ano. Pelo meio “maga rosa” fez anos. Meia dúzia deles no dia de Reis. Quando eu era criança dizia-se que casou os anos. Neste caso é 6/6. Seis anos de publicações e das minhas fotografias e palavras a correrem mundo.

 

Na viragem de ano e de década não fiz as habituais (ou nem tão habituais no meu caso) resoluções de ano novo porque, por experiência própria, já sei que nem tudo é cumprido e muitas ficam só na vontade. Assim sendo, prefiro deixar que o destino dite as regras e este ano, para começar, ele presenteou-nos com algumas visitas ao hospital, o que ainda não parou mas felizmente já se pode respirar de alívio. E ainda uma virose cá para o meu lado, de bónus. Para que haja o equilíbrio dos pratos da balança, também estamos a ser agraciados com coisas boas, claro. Uma aquisição que poderá revelar-se bem interessante (assim o espero) e que pode mesmo vir a originar alguns “posts” no futuro. Mais outra “aquisição”, esta de quatro patas, inesperada e que me deixou um tanto ou quanto apreensiva, mas o universo lá saberá os seus motivos. Um casamento muito especial para acontecer ainda durante este ano. Mais uma emigração na família já com viagem marcada. E muitos planos para pinturas novas que só se esgotarão quando não tiver mais telas/paredes em branco.

 

2020 é para ter uma energia fantástica com este 20/20. Reduzindo a 4 (pela soma) temos uma energia de estabilidade. O número 4 representa os 4 cantos de uma casa e os pilares base com que é construída. Quatro são também os elementos da natureza que dão estrutura à Astrologia (Terra, Fogo, Ar e Água). É um ano para se construir os alicerces e as bases para um futuro melhor, assentes num compromisso de responsabilidade. É um ano de construção e concretização. É tempo de criar raízes.

 

Temos dois pares de 20 para nos mostrar que não estamos sós e é através da união e cooperação que chegamos mais longe e melhor se ultrapassam os obstáculos.

 

20 é também o número da carta de tarot “o Julgamento” que apela à renovação e ao exame de consciência. E os humanos bem que precisam de pôr a mão na consciência e tomar medidas para que esta nossa casa chamada Terra seja um lugar seguro para todos e por muito tempo.

 

Feliz 2020 para todos!   

 

                                                                                                              (foto do arquivo da maga)

13
Out18

Para uma pessoa especial...

por maga rosa

dia-11.jpg

 

Dia 11 é o teu dia. Onze é um número especial, tão especial que fica inteiro, não se decompõe e nem se soma. É o número dos mestres. Daqueles que vibram numa oitava acima. Daqueles que são inspiração, tal como tu.

 

E onze foi um dia nosso. E tal como o número, não nos somamos e nem nos reduzimos a um só, porque somos seres individuais, antes de mais, mas completamo-nos. E se completamos! Até adivinhamos os pensamentos um do outro!... Somos Unos, mas juntos formamos um par do caraças! 

 

E que muitos mais dias 11 venham, mesmo que o dia seja outro!

(sabes como é, se é para nos pormos à estrada, eu vou…) 

 

dia-11b.jpg

 

dia-11c.jpg

 

dia-11a.jpg

 

dia-11d.jpg

 

dia-11f.jpg

 

dia-11g.jpg

 

 

💙💜

05
Jan17

2017 Ano 1

por maga rosa
2017 = 10 = 1

O número “Um” marca oinício de um novo ciclo, pelo que este novo ano que iniciou há pouco e é aindaum bebé, traz a esperança com ele.

O 1 é o inovador, e assimsendo, a energia deste ano é de muita criatividade e descoberta. É um ano decomeços, é o tempo de semear e de se colocar em movimento. É tempo de pôr emprática aquilo que pensou ou planeou no ano anterior e ficou por fazer. É tempode criar, planear, renovar e de iniciar novos projectos ou de ir buscar aqueles queestão na gaveta.  

2017 tem uma vibração única,ímpar, em que tudo é possível e a imaginação é o limite, ou seja, é um ano possívelde variadíssimas e inovadoras realizações mas isso depende de cada um, da suavontade e da sua força. Nos próximos anos cada um irá colher o que semear neste quedecorre agora.

Este é um ano do “Eu Sou” e“Eu Faço”, pelo que não é de admirar se notarmos que as pessoas estão maisindividualistas e olham mais para o seu próprio umbigo. Não há bela sem senão,pelo que, fica o alerta, estejam atentos às vossas atitudes. Todos podemos serafectados pela vibração menos positiva do número do Ano. Que a ambição epioneirismo da influência energética do "Um", sejam usados para realização pessoal, mastambém a pensar num bem maior, onde todos sairão ganhadores e sem que passe porcima dos bons princípios para chegar à meta primeiro.


Que assim seja!


02
Jan15

Onze

por maga rosa




Este foi o número presente na nossa mesa de réveillon e segundo a Numerologiaé um número mestre, ou seja, não se decompõe para um único dígito. É ovisionário em Numerologia!
Estando ele mesmo ali na minha frente virado para mim, enquanto aolongo da noite ia petiscando e saboreando as diversas iguarias colocadas sobrea mesa, decidi adoptá-lo como o meu número para 2015. Disse-me a intuição (e nãofosse este o mestre nessas coisas!), que a sua presença na minha noite não foium mero acaso.

Não fiz lista de desejos e abracei o novo ano tão somente com agratidão no peito por tudo o que a vida me tem dado e pelas pessoas que temcolocado no meu caminho. Tudo o que vier para me melhorar enquanto pessoa, serábem-vindo. No entanto, mais inspiração artística, praticidade e sentido de oportunidadepara a usar, agradece-se porque a minha tem andado só a meio gás. Intuição e sensibilidadeeu tenho que baste, mas se o Onze me ajudar a manter as antenas sintonizadas ea fazer uso das minhas forças interiores, melhor ainda.

Veremos que revelações o ONZE tem para mim ao longo de 2015! ;)


Quem é a maga rosa?

É uma alma antiga, bruxinha ou alquimista, que sabe que é o sonho que comanda a vida e que o essencial só é visível ao coração, pelo que coloca paixão em tudo o que faz, mesmo que aos olhos dos outros não passe de uma lunática. Quando desce à terra, deita cartas e lê nos astros, enquanto vai espalhando pinceladas de cor e boas energias!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Em destaque no SAPO Blogs
pub