Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

06
Set17

A minha gaiola dourada

por maga rosa

 

Estamos na fase de Lua cheia, hoje, precisamente à hora em que acordei, lá estava ela no seu auge! E esta Lua Cheia mesmo em cima do meu Ascendente trouxe ao de cima algumas reflexões. A Lua é isso mesmo, são as memórias e vivências que vamos carregando na nossa bagagem. Em Peixes ela traz à tona o sonho e é sobre esse sonho que eu hoje escrevo…
 
Não foi há muito que tivemos um eclipse solar no signo de Leão e sobre o qual até escrevi aqui. No meu mapa natal, para além de se dar na casa VI (a  das rotina e tarefas dodia-a-dia), até que não “tocou” nada significante em Leão (signo onde estava oSol no momento do eclipse) e nem no seu signo oposto, Aquário. No entanto, adupla (Sol e Lua) conseguiram tocar a minha Lua através daquilo a que os astrólogos chamam de sextil, um aspecto tido de bonzinho, amigável. E onde está a minha Lua natal? Precisamente na casa IV, que significa as raízes, a bagagem que carrego comigo e literalmente a minha casa. E por quadratura (um aspecto mais tenso), ao regente do meu ascendente.
 
E não é que umas semanas antes de se dar o eclipse, comecei com uma sensação que nem eu mesma entendia. Era como se sentisse uma vontade inexplicável de me libertar dealgo… De começar de novo. Simplificar é o termo mais correcto até, para estemeu sentir.
 
A casa ficou grande demais. Exigente demais. Sufocante para esta minha alma nómada. E eu que adoro a minha casa, o meu lar. O meu cantinho no mundo, que construí de raiz com tanto amor e dedicação. Aqui está tanto de mim. Esta casa sou eu e tornou-se na minha gaiola dourada. 
 
Não perdeu o encanto, mas tornou-se demais. E dei por mim a ver terrenos, a dar primazia à vista. Ao espaço envolvente. Poder ver um nascer do sol da janela,ou o pôr-do-sol sentada à porta da casa. Ter a natureza paredes meias, mas sem perder de vista a civilização. Poder viver mais lá fora e menos cá dentro. 
 
Dei por mim a falar ao telefone com o senhor de uma imobiliária e a dizer-lhe que desejo uma casa pequenina. Ele riu-se e respondeu:
 
-“ Tem graça, é que toda a gente quer o contrário, cada vez maior!”
 
Pois, então eu estou virada do avesso, só pode!
 
Quero a minha casinha pequenina, com muitas janelas e portas abertas para a rua, para ver eviver o mundo lá fora.
 
A tensão que o eclipse causou (e ainda está a causar) no planeta regente do meu ascendente na casa III (que significa o ambiente à nossa volta, entre outras coisas) está a empurrar-me literalmente para fora da minha casa e de mim mesma.
 
Só por curiosidade… Há 18 anos, em 1999, precisamente quando se deu um eclipse no signo de Leão, no mês de Agosto andávamos nós a empacotar tudo e a deitar abaixo a casa que anteriormente ocupava este sítio. A casa velhinha para onde viemos morar com a nossa filha bebé, há 29 anos, também em Agosto.
 
Eu sou de signo Touro. Mudança? Isso é com calma!
E vem um eclipse que eu até desvalorizei, para mexer com as minhas estruturas internas no sentido de me obrigar à mudança…
 
🌞🌛
 
 
 
                                                                                                          Imagem ilustrativa: Pinterest
21
Ago17

Eclipse solar

por maga rosa

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Hoje é dia de eclipse do Sol, fenómeno que sempre desperta atenção e curiosidade. Mais visível numas partes do globo do que noutras, pelo que, astrologicamente, o seu efeito a nível mundial será mais sentido onde também for mais visível. A nível pessoal, não vale a pena levar tudo ao pé da letra (do que se lê), porque o mais provável é a maior parte de nós mortais nem darmos por ele nas nossas vidas. Basta ver onde se dá (nos mapas de nascimento) e o que cada um lá tem. Neste caso específico, é já no final do signo de Leão, onde o Sol é rei e senhor e por breves momentos a sua consorte (a Lua) o ofusca, colocando-se-lhe à frente. Qual rei gosta de se sentir apagado? Provavelmente nenhum!
 
Isto poderá eventualmente significar algumas mudanças de foco e até o reviver de velhas situações. É a Lua que traz o passado e questões mais emocionais. Dependendo daquilo que esta Lua Nova vai tocar no nosso mapa, é onde poderá ocorrer alguma viragem. Ver sobretudo que planetas (de preferências pessoais) se encontram no final de Leão, ou então, no final de Aquário. Ver também que áreas de vida estão representadas por esses mesmos planetas e poderá ser aí que se faça sentir.
 
Ah! E não esquecer de proteger os olhos caso queiram andar a olhar para o céu nessa hora. Cuidado com os efeitos prejudiciais nos olhos e na visão. O melhor é ver de forma indirecta. Por isso, não olhem lá para cima, nem mesmo com óculos de sol!
 
                              
                                                                                  Fonte de imagem: Pinterest

Quem é a maga rosa?

É uma alma antiga, bruxinha ou alquimista, que sabe que é o sonho que comanda a vida e que o essencial só é visível ao coração, pelo que coloca paixão em tudo o que faz, mesmo que aos olhos dos outros não passe de uma lunática. Quando desce à terra, deita cartas e lê nos astros, enquanto vai espalhando pinceladas de cor e boas energias!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • maga rosa

    * Aliás, PDI (peço desculpa pelo palavrão... Porra...

  • maga rosa

    Pois, deve ser mesmo isso! Como diz o marido: "é o...

  • Isa Nascimento

    Maga, minha querida... acho que o problema é mesmo...

  • maga rosa

    É isso mesmo, é tudo uma questão de opções... Se p...

  • Bruxa Mimi

    Foi a vossa opção e deixou-vos felizes... Então qu...

Em destaque no SAPO Blogs
pub