Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

13
Dez19

No país das maravilhas

por maga rosa

O país das maravilhas1.jpg

 

As pinturas no cantinho da Alice estão terminadas. Se não tínhamos nenhuma Alice, passámos a ter! Se já fazia parte do nosso imaginário desde crianças, agora passou a fazer parte do nosso dia-a-dia e sempre que subimos ao 1º andar lá está ela à espreita. À espreita está também o gato risonho empoleirado no espelho grande e a Milka ganhou uma nova companhia. O coelho anuncia que é tempo de fazer alguma coisa. Flores é que não faltam. Cogumelos. Amores-perfeitos. A estrada de xadrez que nos leva para lá do nosso imaginário e a um belo chá das cinco.

 

Para quem não souber que caminho escolher, é só escutar dentro si que sentimento fala mais alto e seguir as setas.

 

Gosto tanto deste meu jardim!

 

O país das maravilhas2.jpg

 

O país das maravilhas3.jpg

 

O país das maravilhas4.jpg

 

O país das maravilhas5.jpg

 

O país das maravilhas6.jpg

 

O país das maravilhas7.jpg

 

O país das maravilhas8.jpg

 

O país das maravilhas9.jpg

 

O país das maravilhas10.jpg

 

O país das maravilhas11.jpg

 

💗

28
Ago19

A parede terminada

por maga rosa

parede terminada.jpg

 

É o sonho que comanda a vida. E quando pegamos na paleta de cores e lhes damos vida, a nossa alma vibra e o coração rejubila. Descobri que consigo fazer pinturas pormenorizadas nas paredes (que as outras pinturas eu já fazia, já que aqui sou “pau” para toda a obra) e agora já ninguém me faz parar. Dou por mim a imaginar e a buscar inspiração “pinterestica” horas a fio. Perco-me. Sonho. Recrio cenários. Pinto paredes imaginárias. Imaginárias…ou reais, que cá em casa paredes não faltam. Não sei viver a preto e branco. Uso e abuso de todo o espectro.

 

Sempre gostei de contos de fadas, de histórias de bruxas, gnomos e florestas encantadas. De animais que falam e espelhos mágicos que nos levam para o outro lado. A vida não tem de ser só aquilo que é visível aos olhos. Nem a fantasia é um mundo próprio só das crianças na sua inocência e pureza. Se for assim, então eu quero ser criança para sempre.

 

Felizes daqueles que conservam o espírito de criança mesmo com todas as vicissitudes da vida!

 

Parede terminada1.jpg

 

Parede terminada3.jpg

 

Parede terminada4.jpg

 

Parede terminada5.jpg

 

Parede terminada6.jpg

 

Parede terminada7.jpg

 

Parede terminada8.jpg

 

Parede terminada9.jpg

 

Parede terminada10.jpg

 

Parede terminada11.jpg

ps. o candeeiro é o resultado deste "post" aqui 

 

💜

 

21
Jun19

Solstício de Verão

por maga rosa

Solsticio de Verão.jpeg

Com muito ou pouco sol temos o Verão a chegar e a minha forma de receber e festejar o Solstício é pintando um colorido jardim na parede exterior do anexo da casa. Da minha oficina. À falta da presença da fotógrafa de serviço, cá vai uma selfie para registar o momento e o andamento dos trabalhos que vão continuar, mesmo com algumas pausas pelo meio. Por mim todo o tempo disponível seria para as tintas e pincéis, mas não me deixam. Ehehehe

 

Isto já é vício, mas um vício saudável que me faz tão bem à mente e à alma. Além de embelezar é terapêutico. Sendo eu uma filha da Primavera e a Maria das cores, o meu cantinho inspirador só podia ser um jardim multicor. Muitas mais paredes aguardam-me. Há lá tela melhor que as paredes da nossa própria casa!

 

Bem-vindo Verão (mas por mim podes ficar sempre assim, ameno!)

 

Por curiosidade, Caranguejo, o signo que marca o início do Verão, entra agora às 16h55. Parabéns para todos os nativos de Caranguejo! (Câncer para os nossos irmãos brasileiros).

17
Mai19

A vida é feita de escolhas

por maga rosa

Móvel para bebidas21.jpg

 

Este é um móvel, mas não um móvel qualquer. Podia ter escolhido a via mais fácil e usá-lo tal como estava, colocado num canto qualquer nos fundos da casa, para guardar ferramentas. Escolhi dar-lhe uma nova cara, uma nova cor e uma nova vida. Foi-nos dado por uma colega do marido (bem sabem que gosto de aproveitar estas coisas…) e eu escolhi dedicar-me a ele de alma e coração. 

 

Durante o processo de recuperação, nem tudo foram rosas e a uma dada altura houve até uma pontinha de desapontamento, mas depois de quatro camadas de tinta (que afinal se revelou lindíssima), algumas alterações à ideia inicial e outras tantas aplicações, ficou uma bonita peça decorativa e única.

 

Agora, os meus olhos enchem-se de orgulho sempre que passo pelo móvel das bebidas! 

Móvel para bebidas13.jpg

 

Mas antes de chegar ao que é agora, houve todo um longo processo de restauro. Vinha com aqueles furinhos típicos do caruncho e mesmo não gostando eu nada de usar venenos, neste caso é mesmo necessário, se não queremos ver a mobília reduzida a pó. No segundo passo tive a ajuda do marido. Usámos as paletes que tínhamos tirado da cerca da horta e fizemos um tampo de reforço, que ele pregou por cima do original e pode ser visto aqui. Reforçou também os pés traseiros com uns pedaços de madeira, porque além de serem frágeis, um deles estava comido pelo bicho da madeira. As paletes revelaram-se muitos úteis e com elas fizemos ainda uns apoios para as garrafas, que pregámos na parte inferior do móvel. 

 

Móvel para bebidas colagem (1).jpg

 

Móvel para bebidas1.jpg

 

Móvel para bebidas9.jpg

 

Lixar. Pintar com primário. Pintar de vermelho. Sentir a frustração de não ser bem aquilo. Reformular a ideia. Pintar mais e mais de vermelho até obter uma cor uniforme. Pintar por cima com branco a “parede” do fundo. Pintar de branco o interior e a frente das gavetas. Pintar o tampo de branco. Lixar. 

 

E chegou a hora que me fez dar pulinhos de contente. Experimentar fazer decoupage, que não é nada mais e nada menos que colar pedaços de papel. Usei guardanapos próprios para o efeito que, felizmente, encontrei à venda em dois pontos aqui da cidade. Numa livraria e numa loja de produtos para artes e que se vendem avulso. 

 

Móvel para bebidas3.jpg

 

Móvel para bebidas2.jpg

 

Móvel para bebidas8.jpg

 

Móvel para bebidas7.jpg

 

Móvel para bebidas4.jpg

 

Móvel para bebidas5.jpg

 

Móvel para bebidas6.jpg

 

Para o tampo, rasguei com as mãos pedaços do guardanapo à volta dos motivos florais para dar um aspecto mais natural. Nas prateleiras as folhas foram usadas inteiras. Cada guardanapo tem 3 películas. Retiram-se duas delas e só se cola a exterior e que tem os desenhos. É tão fina que fica transparente depois de colada, o que dá para ver no tampo (o fundo dos desenhos também é branco tal como a tinta usada).

 

 

Usei cola branca que apliquei com um pincel fino. A cola é aplicada na superfície (neste caso a madeira), aplica-se o papel e alisa-se bem de modo a não deixar bolhas. Depois leva mais uma camada de cola por cima.

 

O segredo para uma aplicação perfeita, está em usar um plástico por cima para alisar o papel. Se usar as mãos, já era!

 

Por fim, e depois de deixar secar de um dia para o outro, lixei. Queria dar um ar mais natural e vintage, pelo que o desgaste com a lixa teve esse efeito. Parece até que é pintura.

 

Por último, foi a finalização do tampo pintando (a pincel), a grinalda a preto e a frase. Lixei algumas zonas estratégicas do móvel para dar aquele ar de desgaste.

 

Móvel para bebidas12.jpg

 

Móvel para bebidas17.jpg

 

Móvel para bebidas15.jpg

 

Móvel para bebidas18.jpg

 

Móvel para bebidas16.jpg

 

Móvel para bebidas14.jpg

 

Móvel para bebidas19.jpg

 

Móvel para bebidas20.jpg

 

Móvel para bebidas11.jpg

 

Com direito a assinatura de autor! 💙

08
Mai19

Como enfrentar a frustração e dar a volta por cima

por maga rosa

móvelfrustração (1).jpg

 

Este é o móvel em processo de acabamento e aquele vermelho cor de vinho tinto, lindíssimo (só na minha cabeça) e que se adivinhava no rótulo la lata de tinta, revelou-se afinal uma desilusão. Por agora! É que eu não sou mulher de baixar os braços e desistir.

 

Reacção do marido: depois de olhar uns looongos segundos (ou seriam minutos?) em silêncio para a minha obra-prima, saiu-se com esta : - “ Podes dar uma camada de amarelo por cima e lixar até se ver um pouco do vermelho…”

 

Só podia estar mesmo muito mau!

 

Reacção da filha mais velha: Com aquele olhar que não engana: -“Estava a gostar tanto do branco, mesmo com as partes mais escuras … (por escuras, entenda-se desgaste na camada de primário já lixado e pronto para receber a tinta). Mas o vermelho também vai ficar bonito depois de levar outra camada. Eu é que gosto de brancos…”

 

Olha, também eu filha! Também eu gosto de pinturas branquinhas, mas a continuar nos brancos deixava de ser a “Maria das cores”!

 

Desta vez quis sair da zona de conforto e arrisquei. Arrisquei tanto que ou aquilo muda ou eu fico aqui com uma aberração, caso insista em manter aquele vermelho-que-era-para-ser-uma-coisa-lindíssima-glamorosa-e-mais-parece-um-vomitado-depois-de-uns-copos-de-tinto-a-mais.

 

“Toura” que se preze não desiste à primeira e nem à segunda (e espero eu que nem em demão nenhuma, porque era sinal que teria de recomeçar tudo de novo, com a agravante de ter de arrancar aquela porcaria toda…)

 

A ver vamos… (que a minha cabeça já anda cá a ter umas ideias para arrematar o dito cujo). ;)

 

 

22
Mar19

Como eu recebi a Primavera?

por maga rosa

Como eu recebi a Primavera_.png

 

Trazendo-a para dentro de casa. Convidando-a a entrar e a instalar-se no meu quintal. E que bem que ela fica no meu pedaço verde, com os seus matizes de rosa, branco e amarelo. Instalou-se com modéstia, mas juntas vamos tornar o jardim encantado. O nosso jardim. O nosso cantinho zen que outrora já foi horta e agora ganhou nova vida com o chão feito com os tijolos que o destino nos tinha guardado no quintal dos vizinhos. Aqueles mesmos tijolos que publiquei aqui. Este é um piso feito de histórias. As nossas, as dos vizinhos e aquelas que eles guardaram quando eram paredes numa outra casa de uma outra família, noutra época. E a Primavera entrou e quis ficar. Há lá amor-mais-perfeito do que o nosso!

 

Numa próxima “história” trago-vos os nossos amores-perfeitos, as azáleas, a margarida… as ervas bem cheirosas, as pedrinhas que ainda hei-de pincelar com tintas e desenhos… e mais, muito mais.

 

                                                                                                     Créditos da foto: maga rosa

07
Mar19

E é a vez do Tourito...

por maga rosa

IMG_9318 (1).jpeg

 

Apresento-vos o signo de Touro, o meu signo solar. Aquele que dizem ser o mais teimoso de todos, mas que eu chamo de persistente. Sim, porque se não fosse ele eu não teria chegado nem a metade das pinturas que vos ando a mostrar. É ele que me dá a paciência e resiliência com que levo a cabo cada empreitada em que me meto. É ele que me dá a habilidade para as manualidades (e as pinturas), com a ajuda do Ascendente Peixes, o “lunático”, como já me chamaram cá em casa eheheeh. E de Vénus (que por sinal também a tenho em Touro). Touro, touro e mais touro… Bem e uns toquezitos de Marte em Virgem para os pormenores e mais o Mercúrio em Carneiro para ajudar à festa com ideias… (por este andar ficam a saber o meu mapa todo! Ahahhaha)

 

IMG_9314 (2).jpeg

 

Como já referi antes, não escolhi os desenhos de cada signo intencionalmente e houve até umas alterações a meio do percurso por um erro de cálculo, fazendo com que aquele que é agora o Touro estivesse destinado anteriormente a Capricórnio e só dei pela coisa já o tinha quase terminado (os símbolos no meio foram a ultima coisa a ser feita).

 

Eu queria incluir uma árvore da vida, pelo que a minha outra “toura” cá de casa e fotógrafa de serviço quando preciso de aparecer, sugeriu que a desenhasse para Touro, com moedas nos ramos. Contas feitas e realojando o dito animal neste círculo que vos apresento hoje, lá se foi a árvore das patacas. Mas não pude deixar de rir ao perceber a ironia do destino. É que Touro não ganhou as moedas na árvore da vida, mas acabou a ter algo similar a moedas como ilustração da sua mandala. Não foi propositado mas encaixou perfeitamente. Há erros perfeitos! :D

 

Para quem não sabe, o signo de Touro é tido como muito relacionado com o dinheiro e bens em geral. É até considerado o grande trabalhador do Zodíaco.

 

IMG_8707.jpeg

 

Quem aí é de signo Touro? (o signo ascendente também serve)

 

Créditos das fotos: maga rosa

 

Quem é a maga rosa?

É uma alma antiga, bruxinha ou alquimista, que sabe que é o sonho que comanda a vida e que o essencial só é visível ao coração, pelo que coloca paixão em tudo o que faz, mesmo que aos olhos dos outros não passe de uma lunática. Quando desce à terra, deita cartas e lê nos astros, enquanto vai espalhando pinceladas de cor e boas energias!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • maga rosa

    É isso mesmo, é tudo uma questão de opções... Se p...

  • Bruxa Mimi

    Foi a vossa opção e deixou-vos felizes... Então qu...

  • maga rosa

    Sim, pode! Mas não seria a mesma coisa ter que lim...

  • Bruxa Mimi

    Casar em tempo de pandemia também pode ser na Igre...

  • maga rosa

    Força!Se precisares de alguma dica, cá estou para ...