Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

maga rosa

Oficina de artes esotéricas e criativas.

30
Dez16

A aldeia do sal...

por maga rosa

Num reino distante, certo dia, uma princesa ao dizer ao rei seu pai que lhe queria tanto como ao sal, foi expulsado reino. Depois de muito andar, foi ter a um castelo onde, ao descobrirem asua linhagem, a receberam de braços abertos. Sabem como é, nestas coisas hásempre um príncipe casadoiro, que depois de muitos testes à suposta princesa para secertificar da veracidade do seu sangue azul, se apaixona perdidamente e lhepede a mão em casamento. E assim foi! E convidaram todos os reis e rainhas dosreinos vizinhos e dos não vizinhos, inclusive os pais da (des)afortunadaprincesa. A noiva encarregou-se de preparar a comida que iria ser servida ao seu pai, com as suaspróprias mãos, e não lhe colocou nem um grão de sal. Já quando todos seencontravam à mesa a comer e beber à grande, o dito rei, achando a comidaintragável, horrível mesmo, reclamou, praguejou (e vá lá não terem tombado umasquantas cabeças na cozinha)! A princesa sua filha, que até então andavadisfarçada, revelou-se e foi aí que o rei percebeu  o porquê dela antes lhe ter ditoque lhe queria tanto como ao sal. Há lá alguém que goste de comida insonsa! Orei arrependeu-se de a ter expulsa de casa e depois muitas lágrimas,abraços e pedidos de perdão, a festa lá continuou. E foram todos felizes para sempre!


Das pessoas que conheço,sou aquela que menos sal usa para cozinhar (há que cuidar do coração!), mas usoalgum, não faço como a princesa. Procuro é sal de qualidade, 100% natural, feitotradicionalmente e sem recurso a aditivos químicos. Sal branquinho e limpinho,uso, mas para lavar o chão e mandar embora as energias negativas que por algumdescuido se tentem instalar aqui em casa.

Aqui tão perto, e só ontemvisitei as salinas de Rio Maior pela primeira vez. Foi uma visita rápida definal de tarde e com a aldeia a trabalhar a meio gás, mas valeu a pena. A própriaaldeia de casinhas em madeira já é um bonito e autêntico presépio!

Aproveitei e comprei 1 kg de sal!


Quem é a maga rosa?

É uma alma antiga, bruxinha ou alquimista, que sabe que é o sonho que comanda a vida e que o essencial só é visível ao coração, pelo que coloca paixão em tudo o que faz, mesmo que aos olhos dos outros não passe de uma lunática. Quando desce à terra, deita cartas e lê nos astros, enquanto vai espalhando pinceladas de cor e boas energias!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • maga rosa

    É isso mesmo, é tudo uma questão de opções... Se p...

  • Bruxa Mimi

    Foi a vossa opção e deixou-vos felizes... Então qu...

  • maga rosa

    Sim, pode! Mas não seria a mesma coisa ter que lim...

  • Bruxa Mimi

    Casar em tempo de pandemia também pode ser na Igre...

  • maga rosa

    Força!Se precisares de alguma dica, cá estou para ...

Em destaque no SAPO Blogs
pub